Blog

Confira as novidades da nossa programação

- 24/03/2012

Tags: 

A programação do Festival Virada Digital está em construção pelo nosso time de curadores e colaboradores. Os conteúdos vão girar em torno de 16 áreas de conhecimento: Alimentação, Aplicativos, Ciências, Cultura, Sustentabilidade, Comércio, Educação, Empreendedorismo, Entretenimento, Esportes, Infra-Estrutura, Mídias Digitais, Saúde, Serviços, Trabalho, Turismo.

As atividades e atrações estarão distribuídas em diversas áreas e estruturas na cidade de Paraty:

Grande parte das atrações acontecerá no Hub Estrela, uma mega estrutura inflável composta por 3 ambientes:

·         Ambiente 1 - auditório de 208 lugares onde os conteúdos e seus sub-temas serão debatidos e explorados conceitualmente (palestras, seminários, painéis, debates)

·         Ambiente 2 - espaço onde empresas e centros de pesquisa vão demonstrar na prática inovações tecnológicas e a aplicabilidade das tecnologias no dia a dia das pessoas

·         Ambiente 3 - área de convivência e compartilhamento do conhecimento, com um lounge, MediaHub (área da imprensa), e um Cyber Café com banda dedicada de 100Mb disponível.

A idéia é levar cada um dos conteúdos do festival a um processo máximo de conhecimento, exploração, detalhamento e demonstração. Todos os conhecimentos exibidos dentro do nosso Hub Estrela serão transmitidos em tempo real para os demais Hubs.

No total estarão montados em Paraty: 1 Hub Estrela de 400m2, 1 Hub em formato “Dome” de 200m2 (para as ações de Lan Party e Mutirão Digital) e 3 Hubs de 120m2 que serão montados nos bairros da Mangueira, Ilha das Cobras e Patitiba.

Todos estes Hubs foram concebidos pelo atelier do arquiteto e designer Marko Brajovic, reconhecido como uma dos mais talentosos designers e cenógrafos em atuação no Brasil. Os Hubs são infláveis, climatizados e produzidos com material projetável, o que permite a aplicação de uma série de tecnologias interativas para o público.

Além da programação que teremos em nosso Hubs Estrela de Paraty (exibida  em tempo real nos demais Hubs), temos ainda as 4 áreas especiais que serão posicionadas nos “Hubs Dome” criados pelo Marko Brajovic:

a)      Rio Lan Party: Uma Lan Party dentro da Virada Digital, com um enorme diferencial: será meritocrática. Vamos levar para Paraty com apoio do Governo do Estado do RJ e prefeituras do sul-fluminense os 300 alunos da rede pública de ensino que tiraram as melhores notas no ano de 2011. Estes alunos ficarão acampados em Paraty por conta do evento. Terão todos os custos de transporte, estadia e alimentação subsidiados. 80 deles serão escolhidos para atuarem como monitores no Mutirão Digital, próxima área especial.

b)       Mutirão Digital: ação montada em parceria com Governo Federal, Governo do Estado do RJ e Prefeitura de Paraty, que visa levar o conhecimento básico da internet a populações tradicionais da região (caiçaras, quilombolas, indígenas e caipiras) que não tem acesso à tecnologia.

c)      Brasil do Futuro: palco principal de toda a programação focada em desenvolvimento sustentável. Vamos trazer para esta arena as principais pautas da Rio+20. Em termos de atrações, teremos empresas e instituições demonstrando tecnologias inovadoras que racionalizam recursos humanos e naturais. Centros de pesquisa públicos e privados vão apresentar também tecnologias sustentáveis e limpas, com foco especial para as áreas de alimentação, energia, saneamento e transportes.

e) Palco Compacto Petrobras, um super palco para shows e espetáculos com recursos tecnológicos avançados de som, luz e interatividade. Projeto em parceria com a Petrobras, que apresentará durante os 3 dias de evento shows musicais com artistas que participam do Projeto Compacto Petrobras - http://compacto.blogspetrobras.com.br/

A programação do Festival Virada Digital está em construção pelo nosso time de curadores e colaboradores. Os conteúdos vão girar em torno de 16 áreas de conhecimento: Alimentação, Aplicativos, Ciências, Cultura, Sustentabilidade, Comércio, Educação, Empreendedorismo, Entretenimento, Esportes, Infra-Estrutura, Mídias Digitais, Saúde, Serviços, Trabalho, Turismo.

Comentário: 

Poque não levar a virada digital para todos os bairros, sei que agora é difícil pois todo processo de produção já deve esta em andamento, mas quem sabe numa próxima edição, não se possa levar pontos a associações de moradores de bairros, é uma ideia.

Comentário: 

Marcus, inicalmente não podemos estar fisicamente em todos os bairros de Paraty, por isso selecionamos os mais distantes. A ideia do Virada Digital é começar em algumas cidades e bairros, para depois ir alcançando outros lugares. Vale lembrar que o festival também acontece online, sem fronteiras físicas.

Comentário: 

Como trazer isso para Belo Horizonte ???

Comentário: 

Murilo, a princípio não podemos estar fisicamente em todos os estados brasileiros. Nosso objetivo é aumentar a abrangência física do Virada Digital nas próximas edições. Mas lembramos que o festival acontece online, sem fronteiras físicas.

Comentar